Criando e salvando seleções
 
Tenho notado que alguns alunos têm tido muita dificuldade para criar os scripts em função de desconhecer o conteúdo anterior que seria necessário, então, com a a autorização do Klauss, criei esta aula e espero que possa ajudar.
Vamos lá?
 
Podemos criar nossas selções a serem salvas pra uso posterior e/ou criar um script, com praticamente qualquer coisa: brush, shape, um desenho nosso, ou mesmo com uma imagem, se selecionarmos as áreas certinhas.
 
Vamos começar pelo bem fácil e, numa segunda aula, se vcs quiserem, complicamos um pouco.
 
A primeira coisa a ser feita, é um projeto. Decida como será o seu trabalho, o que você vai usar e as dimensões que deseja, para criar visando o resultado que você imaginou.
 
Abra um transparente com as dimensões que desejar. Convém sempre que você possa trabalhar nele com folga, recortar depois é fácil.
 
O meu tem 500x500 pixels.
 
Faça seu projeto. Eu planejei uma flor e uma borboleta sobre ela.
 
A flor é um brush... carimbe o seu brush na posição em que ele deve ficar no resultado final, qualquer cor. Neste passo, estamos apenas criando seleções.
 
Nova layer e no meu caso (vc cria o que desejar) fiz o miolinho da flor. É coisa que dá pra fazer até com o pincel se vc tiver uma mão maravilhosamente firme, mas é bom lembrar que um desenho vetorial (ou seja, feito com o pen Tool ou os Shapes) é infinitamente mais perfeito nos seus contornos. Fiz com o Elipse Tool/ Circle em modo vetor e depois transformei a layer em Raster.
 
 
O cabinho também dá pra fazer de várias formas e vetorial, você já sabe, é melhor.
 
Nova layer, ferramenta Pen, Creat on Vector e Show Nodes marcados, width 8, tracei um segmento de reta onde eu desejo fazer o cabo da flor. Mas retinho assim fica parecendo um pirulito.

Ainda com o vetor selecionado (se não está mais, clique em Mode na barra da ferramenta e sobre o traço feito para editá-lo), cursor na extremidade final - nó End - botão direito do mouse, Node Type/ Curve Before. Basta encontrar a extremidade da  retinha vermelha, puxá-la como quiser pra encurvar o segmento. Feito? Transformei a layer em Raster.

Pra colocar a folha, dá pra usar  a ferramenta de seleção: selecionar e pintar, ou o Elipse Tool. Nos dois casos, virar a elipse depois (rotate ou Deform) e posicionar como queira. Lembrando que é preciso colocar cada elemento numa camada só pra ele.

Flor pronta, vamos à borboleta.
A minha é um shape:
 
Nova layer e coloquei a minha borboleta. Movi á posição que desejo que ela fique no resultado final.

Projeto pronto, ferramenta Crop e adequei as dimensões da imagem (240x380 pixels), hora de salvar as seleções.
 
Não é preciso, já que até aqui, fiz apenas o modelo pras seleções, mas organizei as layers nas suas devidas posições, isto é, cabo sob a flor.
 
 
Na layer com a flor, varinha modo Add, selecionei todas as pétalas.

Selections / Load Save Selection / Save Selection to Disk
Salvei como aulaselec_flor

Voltei ao trabalho, selecionei o cabo, mesmo processo e está criada a seleção aulaselect_cabo.
Depois as seleçóes aulaselec_miolo e aulaselec_folha.
A borboleta dá um trabalhinho adicional, chata de selecionar porque é vazada...problema nenhum: na layer com ela, Selectios / Sect All; Selections / Float; Selctions / Defloat e pronto, selecionada e só ela.
Save Select to Disk e está criada minha última seleção do projeto: aulaselec_borboleta.

Tudo pronto pra criar o meu script.

Dicas fundamentais
 
Comece a gravar antes de abrir a imagem.
Não se esqueça que as dimensões da imagem devem ser tais que permita caber o projeto todo.
Vá pegando as seleções, uma em cada layer,  pintando e colocando os efeitos que sua imaginação mandar.
 
Fico torcendo pra que ajude.
 
 
Se vocês acharam legal, penso em numa próxima, fazermos uma cestinha de ovos de Páscoa. O que acham? É fácil, acreditem.

 
Webdesigner: Maria Helena