DICA INICIANTES - TRATAMENTO DE IMAGENS

AULA 1 – LIÇÕES BÁSICAS E DICAS

11 - FALANDO DE IMAGENS

 

Com esta dica, você aprenderá um pouco mais sobre imagens.

 

Vetores

 

Vetores ou gráficos vetoriais – são desenhos executados na tela do computador, através de segmentos de linhas retas ou curvas ou da combinação de ambas.

Os gráficos vetoriais têm a vantagem de não alterar as propriedades da imagem quando submetidas a altos níveis de ampliação.

 

Bitmaps

 

Bitmaps ou mapa de bites – são imagens digitalizadas, formadas pela união de pequenos pontos coloridos, denominados pixels.

A desvantagem de uma imagem bitmap é que ela perde a qualidade quando submetida a altos níveis de ampliação. Também as imagens em preto e branco são formadas por pequenos pontos coloridos em tons de cinza.

Para evitar esse problema devemos digitalizar uma imagem, sempre, em alta resolução.

 

Resolução

 

Resolução – é o resultado final da imagem com relação ao número de pixels. Isto é, quanto maior a quantidade de pixels, maior a qualidade e a nitidez da imagem. Por exemplo, para fazer uma foto em alta resolução, use sempre a opção de maior pixels de sua câmera digital.

 

Processos de tratamento de imagem

 

Os processos de tratamento de uma imagem, verificam-se sempre, sob três aspectos:

a) resolução da imagem – a unidade de resolução de uma imagem é o ppi (pixels por polegada)

72ppi = 5.184pixels em cada polegada quadrada – 72 x 72ppi (páginas para web)

150ppi = 22.500pixels em cada polegada quadrada – 150x150ppi (páginas para impressão)

b) resolução acima de 150ppi até 300ppi – gera imagens de alta resolução

c) resolução do monitor – a unidade padrão é o dpi (dots per inch) pontos por polegada

640x480dpi – dependendo da placa de vídeo pode chegar até 1600x1200pixels com um monitor de 21 polegadas.

d) resolução de impressão – também usa como unidade o dpi – trabalhando entre 300 e 600dpi. As impressoras laser trabalham com 600dpi. As fotocopiadoras profissionais trabalham com 1200dpi.

 

Tipos de arquivo

 

Durante a edição de uma imagem, utilize sempre o formato padrão de seu editor. Após a finalização do trabalho, mantenha sempre, uma cópia no formato padrão para possíveis correções ou alterações.

Ao salvar arquivos para a Internet – prefira um dos formatos seguintes: *.jpg, *.gif ou *.png

O formato *.jpg permite alta compressão e ajuste do nível de perda – é ideal para imagens bem detalhadas (fotografias)

O formato *.gif é mais utilizado para ilustrações com cores uniformes, imagens menos detalhadas.

O formato *.png permite salvar imagens com um nível de definição bastante elevado, por esta razão gera arquivos mais pesados. Nem todos os navegadores web reconhecem este tipo de arquivo.

Ao salvar arquivos para impressão prefira os formatos seguintes: *.eps ou *.tif que oferecem alto nível de qualidade.

 

Nesta fase, encerramos por aqui, a falar sobre imagens – Continuaremos este assunto nas fases intermediária e adiantada.